Skip to content

Os pastores australianos gostam de abraços?

Os Pastores Australianos Gostam De Abracos

Resultado

Embora os pastores australianos sejam conhecidos por serem cães de trabalho fortes, eles também podem ser fofinhos e afetuosos. Seu Australiano se relacionará com sua família e será protetor e leal a eles. Muitos donos de cães ficam surpresos ao saber que, embora os australianos tenham fortes instintos de guarda e reprodução, eles são cães macios e fofinhos que podem até ser mantidos em apartamentos.

Quando estranhos vierem, ele se sentirá obrigado a manter sua família segura. Portanto, pode ser reservado e distante quando se trata de pessoas fora de casa. Um australiano terá que estabelecer confiança com alguém antes de se sentir confortável com eles.

Os fatores que podem influenciar o desejo de um australiano de abraçar variam e incluem a idade do cão, sua história, quaisquer problemas de saúde que possa ter e sua personalidade. Talvez ele não seja apenas um cachorro que gosta de abraçar, mas ainda será um ótimo companheiro e trará alegria para sua casa de outras maneiras.

Além dos abraços, os australianos demonstram afeto trazendo brinquedos para você, empurrando você com o nariz, Sentando em você e mostrando a barriga. Ao se colocar em uma posição vulnerável, ele mostra que confia em você.

Se o seu cão já foi muito carinhoso e parou de repente, fique atento a sinais de doença ou lesão. Se a mudança persistir, examiná-la por um veterinário é uma boa ideia para descartar quaisquer problemas de saúde que possam ser a causa.

Cada cão tem sua própria personalidade e, às vezes, o desejo de afeto físico por parte dos humanos é baixo. Isso não significa que seu Australiano não seja um ótimo cão e um membro valioso da família.

Ao respeitar a personalidade única do seu cão, você mostra a ele que ele é importante, que você o ama e que ele está seguro. A melhor maneira de incentivar seu cão a ser mais fofinho é construir confiança com ele, atender às suas necessidades e dar-lhe uma vida divertida e gratificante.

fbq('init', '539218670281020', {});fbq('track', 'PageView', {});